terça-feira, 21 de dezembro de 2010

E.

Que doce pecado seu sorriso é pra mim
Um ópio exorbitante que salta de cada palavra que sai da tua boca
E me prende a você por sua voz maliciosa
Ah, delícia é imaginar que seu beijo no canto da minha boca vai desviar pro meio
Arrepio pensar que suas mãos vão me puxar pelos cabelos e me direcionar a você
Delírio suspirar pelo teu beijo e teu abraço
Ah, na proxima olhada me perco em você e não vou interromper o sonho
Vou me permitir suspirar, sorrir e arrepiar
Mas por você e somente por você
Ainda que o mundo insista em desviar de trajetória
Fixarei meu olhar em você.
E só...

sábado, 18 de dezembro de 2010

flor

um dos detalhes captados via pupila e transformados em figura =)




Tanto sentimento, tanto amor, tanta cor
Primavera entrou pela janela trazendo toda plenitude e toda beleza
Flores banham minhas manhãs e enchem minha alma de jardins
Felicidade é constante, plural e indefinidamente definida
Razão e juizo deixei numa esquina por ai e não pretendo voltar pra procurar
Minhas loucuras são tão mais envolventes que fico com elas
De resto, só me basta um sorriso
E sorrindo mudo o meu interior, mudo o mundo ao meu redor
Mudo tudo onde eu for.




:)

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Reflexões via twitter

E tudo começou com alguns RTs de frases de Tati Bernadi, e eu desatei a escrever e escrever e embolar e complicar e embolar.
E eu não sei se alguem vai entender, mas eu tambem não entendo nem vou entender, e então ta tudo legal então.

Frases: (Twittes)

"Eu não me contento com pouco (Não mais) Eu tenho muito dentro de mim e não estou a fim de dar sem receber nada em troca."

"Eu não gosto mais dele. Mas aí, eu faço questão de pensar nele e falar dele todos os dias. Só pra não perder o costume..."

"Eu tenho um milhão de motivos pra fugir de pensar em você, mas em todos esses lugares você vai comigo"

"Eu quero que você saiba que é um pouco difícil esperar cada vinda, esperar cada volta.

"Estar com alguém errado é lembrar em dobro a falta que faz alguém certo."

"E eu, finalmente, deixei de ter pena de mim por estar sem você e passei a ter pena de você por estar sem mim. Coitado."


#


1. E então, resumindo meus RTs, eu cheguei a uma conclusão: eu não gosto de você, mas gosto tanto de você, que não sei não gostar mais de você


2. Te odeio cada vez que penso e lembro que esse odio todo é amor, mas ai eu te odeio mais e te amo mais e odeio te amar e amo te odiar

3. E to numa confusão sem tamanho que nem sei mais o que to dizendo, e nem sei mais ou sei o que sinto e na verdade eu tinha mesmo que estudar

4. Mas não consigo estudar e nem consigo parar de pensar em você, e nem consigo parar de escrever sobre você e sobre o que eu sinto

5. Mas eu tambem não sei o que sinto e 140 caracteres é pouco demais,e eu acho que disse que ia resumir e na verdade o que eu fiz foi complicar

6. Complicar minha cabeça, meus estudos, meus sentimentos e minha vida e tudo mais

7. E eu nem sei o que pensar, porque eu acho que não sinto nada,mas eu to sem te ver há 6 meses e você ja ta voltando e eu tenho que te ver

8. E eu quero te ver, mas não quero descobrir, ou melhor, redescobrir que gosto de você, porque ai eu vou acabar com tudo

9. e minha fase de bem resolvida vai evaporar, porque eu vou começar a te querer, e você não me quer,

10. E eu vou começar a me perguntar - Porque que você não me quer?

11. E vou começar a me colocar defeito e minha alto estima vai pras cucuias e sei la onde mais. E eu to falando demais, e isso é um desabafo,

12. Mas desabafo de quê meu Deus, se eu nem sei se gosto de você! E porque você não sai da minha cabeeçaaaaaaa?

13. Você é meu melhor amigo e é assim que tem que ser, e eu vou ser madrinha de seu filho - quando você tiver- mas eu não quero que você tenha

14. porque eu não quero, porque você é meu, mas é meu melhor amigo só,e meu Deus, eu to ficando louca e socorro eu tenho que estudar Civil

15. Mas eu não quero estudar Civil e eu tambem não quero gostar de você, mas eu tenho que estudar e eu acho que ainda gosto.

16. E é ainda porque eu gostava e acho ou achava que tinha te esquecido, mas eu não esqueci, ou esqueci?

17. E meus 3 ultimos finais de semana cheio de ficadas não significaram nada, e eu até tentei gostar de alguem, mas eu não gosto

18. E por favor ninguem se apaixone por mim, porque eu não estou prestando pra ninguem, não to prestando nem pra mim, imagine pra alguem

19. eu falei, falei, falei e fiquei ainda mais confusa.. e não adianta me falarem que eu mereço coisa melhor, porque a coisa melhor não aparece então eu vou fazer o quê?

20. se eu tambem não quero ninguem, eu quero você e você e você. E você não se toca, ou melhor, se toca e não me quer

21. Não me quer, e flores despedaçadas só vão dar mal-me-quer mesmo que eu repita pra mim que isso é sim, um amor escondido, congelado que vai derreter

22. e que quando isso acontecer eu não vou mais gostar de você e você vai quebrar a cara porque o mundo dá voltas e você não me merece,

23. mas eu quero você, me merecendo ou não, mas você é meu best friend e só e isso e você me ama só como amiga mas eu não quero ser só sua melhor amiga,

24. e eu ando tão malvadinha que dá vontade de te dar um gelo e te seduzir mas o meu lado boazinha não quer deixar eu fazer isso, e eu não quero perder sua amizade,

25. mas eu não quero só sua amizade eu quero você mas eu não sei se eu gosto de você, na verdade eu não gosto eu te odeio, mas eu te amo e te odeio e te amo e te odeio e não sei mais nada

26. e meu Deus do céu eu enlouqueci e ele tem twitter, mas ele não vai ler, mas ele devia ler, mas não vai, então é melhor eu ir estudar Civil porque pelo menos isso só depende de mim.

27. porque você eu já desisti de tentar decifrar e da minha parte eu quero você e só falta você então

28. Mas você não vai ler nada, descobrir nada, gostar nada

29. E eu vou ficar com a mesma cara de mongoloide quando você chegar e me chamar de mongoloide e me puxar e me abraçar.

30. E tchau. Fui estudar Civil.



#


É eu estou maluca, e isso tudo que eu escrevi foi via twitter, e ta la @diminutivo pra todo mundo ler, mas você não vai ler, então eu to despreocupada. E sim. Eu estou louca. Louca por você.



;*

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Sábado. Umas 4 horas minha manicure que eu amo de paixão me pergunta:
- Jeu, você ta namorando?
- Eu não F.. não quero namorado não..
- Ooooown [cara de dó] porque?
- Porque eu não quero namorar.. namorado pra quê?
- Pra ser feliz!
- Mas eu sou feliz...

#

Porque a gente tem que ter um namorado pra ser feliz? Porque todo mundo, TODOMUNDO mesmo, vive perguntando: E ai, como ta o coração e blá blá blá?
Eu não preciso de um namorado pra ser feliz, eu não preciso de um amor,
Eu não preciso querer casar e ter um time de futebol..
Amor eu tenho demais. Eu tenho minha familia, meus amigos, eu mesma.
Eu tenho meus babadinhos, peguetinhos, um melhor amigo pra ligar quando a solidão - e a cachaça - batem.
Eu tenho um amor platônico, eu tenho uma solidão criativa, eu tenho bff, tenho cachorro, tenho inspiração, música, poesia..
Eu tenho Neruda, Camões, Chico e pagode de esquina pra me dizer o que amor, pra cantar coisas de amor, pra sofrer de amor
Eu não quero namorado. Eu já tive namorado. Eu ainda terei namorado.
Mas agora não quero de jeito nenhum.
A não ser que ele seja assim do meu jeitinho, feito pra mim ou seja aquela paixão fulminante que perde juízo, folego e palavra ou seja um momento de loucura minha ou se ele tambem não quiser namorar e der vontade de namorar
Ou seja, sei lá, qualquer coisa, porque as pessoas mudam..
Mas definitivamente, não, eu não preciso de um namorado pra ser feliz.
Pra ser feliz a gente precisa estar de bem com a gente, com o mundo da gente..
Felicidade não se faz com momentos e com pessoas, mas não somente com isso
Então.. isso ai: eu sou feliz. E não tenho namorado.


=]

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Ela é poeta







Ela é uma menina. Ela é uma mulher. Ela é uma criança...
Carrega o mundo na ponta de um lápis, tem sonhos transfigurados em letras em palavras..
Ela sorri.
E ilumina o mundo ao redor como sol nascendo em meio a manhã fria da praia
Alaranja flores, pedras, águas e pessoas
É poeta, e como poeta sabe ver os detalhes da vida
Sabe sentir na pele e no coração a magia da vida
Ela é uma menina
E tem a docura, a leveza e o brilho no olhar
Mas ela é mulher tambem.
Fez 19 e possui a força com que enfrenta todas as convenções
Ela transforma o mundo ao seu redor e assim é dotada de uma excentricidade bela e admirável
Ela carrega a alma de criança..
E reccarrega em baterias imaginárias que se espalham pelo vento
E a utiliza cada vez que cria seu mundo
Mundo que não é irreal. Mundo que é realidade colorida, realidade que só enxerga quem carrega a poesia nos movimentos e no cantar
Ela é cronista de detalhes belos, a menina da xícara branca com detalhes verdes e marrons..
ou seria xícara verde e marrom com detalhes brancos?
Ela é assim.
É Paula Carine
Menina mulher com contornos de criança
Ou seria criança com toques de menina mulher?


Parabéns Paulinha =]



Homenagem para: http://paulakarines.blogspot.com/

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Resoluções de fim de semestre

Já que ouço tanto falar de resoluções de fim de ano, resolvi falar das minhas resoluções de fim de semestre. Existe um 'eu' 1° semestre e um outro 'eu' completamente diferente e melhor no 2° semestre..
Naqueles seis meses iniciais, um turbilhão de emoções se debatiam.. tinha acabado de passar no vestibular, me livrado do cursinho, começado a desfrutar a heterogeneidade daquela uesc.. Tinha saturado de um namoro saturado do qual eu não suportava nem mais um segundo meu namorado, tinha uma visão limitada acerca das pessoas, um liberdade reprimida e uma cabeça revolucionária hibernando. Achava que ia me apaixonar por Direito logo de cara, tinha medo de não ser aceita, de não gostarem de mim, de ficar sozinha. Tinha uma voz meio irritante, como ainda tenho mas numa versão mais branda, era histérica e dava gritos por tudo. Terminei namoro. Reativei meu blog. Admiti que era apaixonada pelo meu melhor amigo, fiz um trabalho científico sobre dignidade humana no sistema penitenciário brasileiro, passei um mês fazendo bombons pra vender no dia dos namorados, juntei dinheiro. Fui pra formatura da minha prima em Eunápolis. Me dei férias uma semana antes, passei em tudo. Banquei meu São João, passei uma semana insana e perfeita em Ibicuí, curti horrores e voltei acabada. Descansei e arrumei muuito a casa na folguinha que tive. Escrevi horrores no blog e estava em super criatividade modo on, Viciei e não vou desviciar tão cedo em muitas séries. Veio segundo semestre. Perdi trivela, peguei chopada de medicina, curti. Odiei meu melhor amigo. Fui prum 'reggae de quinta' muuuy bueno. Me enturmei mais. Fichei alguns livros, li outros extra, me apaixonei por Budapeste. Me apaixonei por Maquiavel, parei com gritos, minha voz ficou melhor. Minha alto estima triplicou, me aceitei como pessoa, como mulher, como menina. Entrei no muay-thai, me apaixonei por uma luva rosa da Adidas que pretendo ainda comprar e emagreci de forma saudável. Aniversário de 15 anos de minha prima. Comprei, consumi, comprei, comprei, consumi. Fiz mais fichamentos. Dei mais valor às minhas amigas. Fortaleci amizades, fiz pessoas felizes apenas com pequenos atos, trabalhei para servir os outros. Me achei mais bonita. Ai vieram as aulas de sociologia jurídica.. Ativei meu lado feminista em muitos mais % Aprendi que tudo é convenção social. Aumentou minha vontade de mudar o mundo e acabar com a dominação masculina. Tive uma suuuuuuuuuuper professora. Uma professora "medíocre" [hahaha], um professor hipócrita, que odeio horrores [=P], um professor legal, e um professor brother demais. Quebrei meus conceitos, meus preconceitos, minhas visões de mundo. Questionei meus valores, minhas escolhas, meus atos. Me dei valor. Construi conceitos, valores, visões de mundo. Vivi o melhor reggae do mundo, a melhor experiência do mundo. Fui pro melhor show da minha vida [Los Hermanos], fui pra um show internacional, fiz uma viagem incrível, com pessoas incríveis que eu amo demais, vi Saulo lindo e maravilhoso. Escondi segredos, fiquei malvadinha, tive virose e conjutivite. Fiz 19 anos, escrevi horrores, consolidei minha poesia, aprendi a ser mulher independente, fiquei com meninos e não esperei nada no dia seguinte. Tomei umas, aumentei minha vaidade, me apaixonei várias vezes por desconhecidos, comecei a escrever um, livro policial com uma escritora fantástica e cronista de mão cheia. Descobri que meu ascendente é Touro e isso faz com que eu seja mais equilibrada. Pirei, cortei meu cabelo sozinha e ficou lindo, fumei, li cem sonetos de amor de pablo neruda. Ouvi bandas incríveis como Portshead, assisti Across the Universe e O fabuloso destino de Amelie Poulain e amei os dois. Li livros incíveis e lerei muitos mais. Correria de fim de semestre, deixei de planejar as coisas, tenho milhões de fichamentos, descobri a grande utilidade do twitter. Estudei horrores. Vivi,curti, bebi, beijei, fui feliz, sou feliz, serei feliz. Ainda não sei se passei direto, ainda não estou de férias e o semestre ainda não acabou. Mas eu mudei. Muito. E pra melhor. E mudei por mim. E mudei pra mim. =]
-
*Depois disso tudo difícil vai ser eu criar coragem pra escrever resoluções de fim de ano..

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

MULHER com M maiúsculo.


Então a gente tem que perder a doçura pra ser gente?

Virar macho, galo de briga pra ser bem sucedida?

Que caretisse é essa que ainda ecoa no século XXI?

Ah! Lutamos, queimamos sutiã pra deixar sermos chamadas de cachorra, gostosa, objeto?

Enfrentamos o mundo pra ser propaganda de cerveja?

Dar pra todo mundo é ser vagabunda?

E homem é o quê? Garanhão? Macho, Homem de verdade?

Não precisamos ser nada

Que luta de classes, que Rousseaul, que Foucault!

Não sou puta nem santa

Eu quero andar no meio!

Que falem! Que pensem! Foda-se sociedade!

Foda-se hipocrisia, foda-se machismo!

Me deixe ser bem sucedida!

Me deixe gostar de sexo, de amasso, de beijo!

Me deixe jogar no lixo essas convenções.

Que me adianta esperar príncipe encantado?

Que adianta Cinderela, Disney, novela bonitinha que me empurram desde criança?

Faça-me o favor! FAÇA-SE O FAVOR!

Faz o que quiser, seja quem quiser, seja o que você é!

Mas não me venha impor seus limites, suas visões limitadas, seu discurso careta

Não me queira bonitinha , gostosinha, gracinha

Porque eu não sou santa

Não me chame de cachorra, piriguete, vagabunda

Porque eu tambem não sou puta

Eu ando no meio.






Dedicado à todas as mulheres =]

paixão

Que masoquismo é esse ao qual resolvo me submeter?
Essa loucura de querer se jogas de um penhasco
De querer quebrar a cara e o coração.
Por qual razão, motivo, porquê ou explicação
meus neurônios insistem em me arrasar?
Quando a estrada parece clara e simples
A névoa volta a cobrir arrastando-me aos espinhos
Oh Deus, Afrodite, Cupido Gene Y, Z ou Alfa
Libertem-me dessa tortura, desse abismo
Me deixem de uma vez por todas ver o sol
E viver.

barco de dois remos

Tuas palavras ecoam em cada centímetro da minha caixa craniana
Já faz um tempo desde que decidi te esquecer
Embora ainda pense constantemente em teu sorriso
As lembranças não mais fluem líquidas
Queria descobrir em que parte da história me perdi em você
Em que segundo o coração aumentou o seu ritmo
Voltar a esse momento seria crucial e me pouparia sofrimento
Mas onde estariam as letras, as músicas, a poesia, a inspiração?
Como culpar alguem por não sentir o mesmo?
Ah, faça me o favor.
Culparei a mim. Aos meus neurônios, aos meus lapsos.
Rendirei agora ao meu âmago.
Que adiantaria amar sozinho?
Amor é barco de dois remos
Amor é conjunto, disjunto, função bijetora
Pra cada ser há de ter um remador
Um domínio, uma imagem, um espelho, ou vários, eticétaras e reticências
E assim será. Que seja!


________________________________________________________________________